Páginas

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Duas lágrimas...


img:google

Duas lágrimas...

Duas lágrimas roubadas
Dos olhos que tanto choram,
Rolaram indecentes em meu rosto
Sorriste chorona, risonha chorei,
A vida é assim...
Um dia se sorrir. Outro se chora

Dora Duarte

Um comentário:

Malu disse...

Olá, vim conhecer teu canto e fico por aqui, porque é belo!
Realmente o AMOR é tema que não se esgota para que traz o amor no coração... como bem disse no RECANTO DOS AUTORES.
Obrigada pelo carinho
Abraços

Copyright © 2011 Fazenda de poemas poesias e contos.
Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger