Páginas

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Minha pátria


Minha pátria!
Minha pátria é aonde escolhi morar
Meu ventre materno
Minha pátria é o meu lugar
Onde vivo respiro calor humano.
Não abandono, sou filha nativa
Muitos lugares estive...
E ao retornar a esse colo gentil
Que ao me esperar
De braços abertos
Sinto um acalanto tão perto
Nesta pátria chamada Brasil.

2 comentários:

Anne Lieri disse...

Dorinha,que beleza essa poesia!Uma lição de amor á patria!Bjs,

Anônimo disse...

Realmente muito bonito, mas não parece de uma menina de 14 anos, me permitam duvidar. Não que uma jovem não possa ser patriota e criativa, mas esse vocabulário e com certa "malícia" de vida e conhecimento, acredito que outra pessoa que escreveu. No trecho ... no meu GABINETE... e ... perguntei a mim MESMO... Parece um militar ou uma autoridade. Me desculpem mas aprendi a duvidar de tudo que se vê na internet, mas se realmente foi uma menida de 14 anos que assinou a redação, verifiquem se ela não tem uma pai militar.

Copyright © 2011 Fazenda de poemas poesias e contos.
Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger